OLD Residentes

 
 

residentes

 

É com grande prazer que apresentamos os artistas e designers Da Casa, com venda exclusiva dos seus produtos no Rio de Janeiro.

 
 

prototyp&

A Prototyp& é um estúdio de design criado em 2014 pelo arquiteto, designer e diretor de arte Felipe Protti sob o conceito chão de fábrica - um caminho de design independente que converge arquitetura, interiores, cenografia, mobiliário, produto e design gráfico.

elaya design

Elias Lanzarini/“Elaya” é artesão em madeira que cria e executa mobiliários numerados e com edições limitadas, recuperando e reutilizando matérias primas, principalmente madeiras maciças oriundas de barcos avariados e/ou antigos. Em cada peça busca-se uma harmonizacão entre a estrutura e o design, com atenção na funcionalidade, estilo e bom acabamento, mesmo sendo de materiais recuperados. Caminhando entre o rústico e o moderno, a simplicidade e sofisticação, o objetivo é um móvel com alma e conceito.

 

Decarvalho atelier

A Decarvalho Atelier nasceu no final de 2015 da necessidade inquietante do arquiteto Bruno de Carvalho em criar suas peças que até então estavam apenas traçadas em seus cadernos. A curiosidade no uso dos materiais e o recorte de idéias, junções e insights resultaram no atelier que tem recebido boas críticas e deixado clientes e arquitetos surpreendidos e satisfeitos com os produtos e acabamentos apresentados.

monica carvalho

A busca por novos conhecimentos e uma grande curiosidade pela arte encaminhou Monica a estudar teoria da arte no MAM do Rio de Janeiro, no Metropolitan de Nova Iorque e no Louvre de Paris. Sua intimidade com a natureza tem sido sua grande inspiração. Em constantes caminhadas por florestas, rios, praias, manguezais, montanhas e campos cata o que chama de fascinantes sobras orgânicas. Suas obras remetem aos atuais problemas ecológicos do planeta, alertam contra o descuido para com a natureza e extravasam um fio feminino de doçura, agressividade, indignação, elegância, requinte e sensualidade.

 

Päar design

Industrial chic slow design

lu lessa ventarola

Ventarola transborda a celebração da descoberta do que é singular. Através da repetição de signos e palavras, a artista nos faz perceber o quanto é longo o caminho para o autoconhecimento .Um encantamento que faz da linguagem visual um portal de acesso. Uma chave no tempo.

 

regina dabdab

O trabalho de Dabdab é influenciado principalmente pela flora e fauna amazônica, pela arquitetura concreta de sua cidade natal, São Paulo, e também por museus que a artista gosta de visitar. Tomando a natureza como sua principal inspiração, ela explora sua estética e formas para criar formas sofisticadas, usando pedras semi-preciosas e minerais do Brasil, troncos, ossos de animais e corais da Indonésia.
 

luisa velludo

Luisa é movida pelo desejo da liberdade, da expressão do pensamento, e transitar entre os materiais ainda não explorados por ela é sua paixão. Sensível aos seus impulsos, acredita na sua potência como seguisse um instinto místico. Os sentidos das coisas provocam e a possibilidade de criar novos sentidos fascina a artista. Os objetos, como forma de linguagem, traduzem em matéria os conceitos de cada história.

 

srta. galante

Para mudar o mundo é preciso estar pronta pra tudo. Ter atitude, pegar e fazer. E se a mudança for feita com as nossas próprias mãos, melhor ainda. Cada pessoa tem o poder de tecer a sua própria linha do tempo, dar a ela a forma que quiser, e juntos criamos a trama que queremos para o futuro.

É acreditando nisso que fazemos nosso trabalho na Señorita Galante. Porque sabemos que, com a leveza e o cuidado do trabalho artesanal e a criatividade sem limites, podemos criar peças que nos permitem esperar o inesperado. Aproveitar melhor a vida, com mais liberdade e menos consumo. Gerar oportunidades e renda para quem tem sonhos. Superar as distâncias, unindo pessoas interessadas em tornar o mundo um lugar mais acolhedor.

greta atelier

A Greta nasceu da necessidade em criar objetos orgânicos, não necessariamente na forma, mas na construção das peças. O trabalho com o latão se dá devido sua cor e maleabilidade, equilibrando a delicadeza da joalheria à brutalidade do material. É muito comum o latão desaparecer nas joias, banhadas com outros metais para mudar a cor e esconder imperfeições. A Greta opta por trabalhar o latão bruto como um metal precioso, até o mais fino acabamento, dando para as nossas peças o status de joia.

 

 

todas as peças expostas estão à venda.

atendemos com hora marcada de segunda a sexta, de 11h às 19h.